Skip to content

“Alexandrismo”

Dezembro 26, 2010

Concebo-me, simbiose crescida de árvore humanamente grata; por ser, apesar de sólida, flexível e aguentar, sem quebrar, os ventos de mudança; e por ser, apesar de flexível, sólida e adaptável – e, se cair, poder transformar-me em barco e flutuar, por mais forte que seja a correnteza.

– © Alexandra Oliveira (OneLight*®) – Todos os direitos reservados

(Imagem: Pintura neo-surreslista de autor não identificado)

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: