Skip to content

Praça (tudo menos) pública

Janeiro 18, 2009

Costumava sentar-se como se caminhasse, na quietude violácea de uma praça.
Uma praça inaudita, que, contudo, ela escrevera como se a cantasse, chorando, aos passantes – esses cúmplices surdos e risonhos da sua sentada, violácea surdina – um milhão de vezes. Ali não havia luz palpável, e as sombras ocultavam-se de si mesmas, naquela dúctil perseverança de matizes e modulações confundíveis, que tanto podiam ser asas cinzentas de pombos, como tons de folha de certas árvores, entre violáceas e cinzentas, arrulhando, todos, um mesmo rumo escorrido, sobre a pedra, de uma mesma chuva passada. Sentava-se, ela, não ao centro, mas no ângulo das suas linhas, que, uma e outra vez, escrevia, para que ninguém as ouvisse, num guardanapo de papel, que logo, dos lábios dela, as limpava até à última gota, para que ninguém as visse, e não fossem inferidas nem uvas, nem os traços elípticos de outras asas, outras folhas, e outros sumos. Era este, acaso, o lugar mais absurdo de uma distância a que voltava, quando queria estar perto. Sim, o da quietude de uma praça. Uma praça maldita, que, no entanto, ela amachucava no mesmo guardanapo que atirava ao mesmo chão da mesma pedra onde a revestiam os mesmos pombos cinzentos e as mesmas árvores, entre cinzentas e violáceas, confundindo-a, e a ela, no seu escorrido rumo, com uma praça qualquer, por onde todos caminhavam, na surdez cúmplice da sua bendita surdina, sem luz nem sombras. Uma praça onde se sentava e chorava, um milhão de vezes, como se risse. Quando passava a chuva.

– © Alexandra Oliveira (OneLight*®) – Todos os direitos reservados

Outras “Janelas para (algures) dentro”

One Comment leave one →
  1. Janeiro 19, 2009 4:06 pm

    e a chuva nunca passa. ou passa. ou talvez seja um estado de alma lavado pelas nuvens.

    belo poema, querida amiga. porque é um poema.

    um beijinho doce
    jorge

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: